"AMAR É QUANDO A ALMA MUDA DE CASA..."
MÁRIO QUINTANA.

segunda-feira, 24 de setembro de 2007

Apenas um número...


As vezes sinto que somos apenas mais um número um número para as instituições financeiras
para as instituições de ensino
Para as empresas
para os concursos, seleções, empregos
E em qualquer decisão
para todos os efeitos
somos mais um número
E não importa o quanto vc se esforce
quanto vc batalhe, estude, trabalhe
quanto queira mudar
continuará sendo uma estatística
apenas um número

Que bom que temos o amor, a família
Os amigos verdadeiros
Pessoas que sabem quem somos
e que nos acham realmente importante
Para essas pessoas somos alguém
Somos especiais
somos o que somos
quem somos
não somos apenas um número

E é isso que me faz viver
Continuar tentando
Perseguindo mudanças, sonhos, ideais
Querer buscar um futuro diferente
Um lugar deiferente
Um mundo diferente
Para mim, para nós, para eles.

2 comentários:

carla granja disse...

olá minha linda ! ainda bem k voltaste a postar:) nunca mais me visitaste ,mas venho sempre dar uma olhada a ver se há novidades e hje encontrei um blog com vida , pois parecia k já tinhas desistido e isso me ia deixar triste :( até quando a gente morre ,não metem um numero no nosso pé:) ou isso é só nos filmes :) eu tou a rir com coisas serias ,mas agora me lembrei desse numero. mas tens razao , linda o importante é sewmpre seguir em frente e ter o amor da familia e de nossos amigos:) espero k me visites,tenho saudades tuas:)
bjo e boa semana
carla granja

carla granja disse...

sempre passo pelo teu blog para ler algo novo ,mas nao encontro nada pq? preguiça?:) e aqueles poemas k só tu sabes escrever? espero k estejas bem amiga e sinto a tua falta
bjo
carla granja