"AMAR É QUANDO A ALMA MUDA DE CASA..."
MÁRIO QUINTANA.

sábado, 3 de setembro de 2011

Durante muito tempo em minha vida...




Durante muito tempo em minha vida não pude fechar ciclos, não soube fechar a porta, durante muito tempo cultivei o passado sem conseguir me desvencilhar. Durante muito tempo em minha vida me recusei a viver o presente e planejar o futuro, como se isso fosse fazer tudo que vivi no passado desaparecer...Tantas coisas e pessoas importantes...Eu não estava pronta para virar as costas pra tudo, tantas coisas e pessoas importantes eu não poderia renegar, nem esquecer, mesmo que isso me fizesse sofrer, mesmo que me fizesse chorar, mesmo que me deixasse infeliz, revoltada e triste.
Durante muito tempo em miinha vida, vivi arrastando correntes que nem estavam mais em mim, me vi cultivando sentimentos que nem existiam mais..E a saudade ao lembrar as pessoas que eu ainda amo e não estavam mais comigo parecia doer menos se eu sofresse mais...Vivi com o peso do mundo em minhas costas, com o peso de escolhas erradas que nem sei se fiz...E me pegava a todo instante me perguntando, e se...E se fosse diferente, e se não fosse daquele jeito, e se ainda estivessem aqui, e se eu tivesse ido por outro caminho???...E se...????
São tantas conjecturas, suposições, tantas dúvidas e tantos questionamentos, que eu passava mais tempo pensando que vivendo... Mais tempo me arrependendo que aprendendo.
Durante muito tempo em minha vida eu deixei de ser quem sou, eu tentei ser diferente, eu tentei mudar...Em vão. ainda bem...
Durante muito tempo em minha vida eu sofri sem conseguir entender tudo que tinha me acontecido, por onde a vida estava me levando, sem perceber que nem todas as escolhas foram minhas...Mas nada adiantava, eu não me conformava, acabava por me culpar ainda mais por essa ou aquela atitude errada, fazer o que...sou humana.
Durante muito tempo em minha vida eu vivi com um sorriso nos lábios sem estar feliz, eu vivi alegrando as pessoas para me animar, mas eu sabia que nada estava bem, eu não estava conseguindo superar...Eu não gostava nem conseguia ficar só, não estava confortável comigo mesma.
Durante muito tempo em minha vida, me senti perdida, sem rumo... E por mais que eu não entendesse o caminho, e por mais que eu não aceitasse o trajeto, por mais que eu discordasse do que via, ainda assim, negando, discordando e brigando, Deus sempre esteve comigo, mesmo quando achei que estava sozinha, mesmo quando achei tudo injusto, mesmo quando estava inconformada e sem forças, Deus sempre esteve comigo...Mesmo quando não quis sentir e preferi brigar.
E hoje posso ver que tornei as coisas tão mais difíceis pra mim mesma, querendo que tudo fosse como eu queria, como havia sonhado...Ainda sinto muito a falta das pessoas que amo e que se foram, mas sei que estão de alguma forma cuidando de mim, comigo. As que eu amo e ainda estão aqui, faço tudo para que saibam quanto as amo.
Não me culpo mais por não ter feito outras escolhas, talvez eu tenha feito todas as escolhas certas para aquele momento, o passado não me amedronta mais e não vivo mais presa lá, músicas e lembranças não me fazem mais chorar...E mesmo tendo talvez tomado caminhos tortos, eles me levaram ao lugar certo, a pessoa certa, você meu amor, meu marido, meu companheiro, meu querido, sou feliz hoje, espero continuar sendo amanhã. E Deus continua me ensinando, escrevendo certo por linhas ou caminhos tortos...E hoje me sinto grata...Obrigada Senhor pela linda família que eu amo.

26 comentários:

Paulo Francisco disse...

Família é tudo. Fechar o ciclo? um dia ele se fecha com certeza.
Um beijo grande

Arnoldo Pimentel disse...

Um texto emocionante.Tudo de bom pra você, beijos.

JAN disse...

OI,PAULA!
É ISSO MESMO: PASSADO A GENTE ENTREGA PRA DEUS E DEIXA PRA LÁ. SIGAMOS EM FRENTE, SEMPRE PROCURANDO VIVER MELHOR!

BJÃO.

JAN

Beatriz Amorim disse...

Paulinha, que saudade de vir aqui!
Adorei o texto, lindo e de uma profunda aprendizagem!
Disse tudo, querida!
Estou com um novo blog para falar de psicologia, se puder, dê um pulinho lá! :D Será um prazer tê-la comigo no meu cantinho!
Um grande beijo e boa semana!

maris disse...

Não tenho acompanhado o seu blog como queria mas agora que estou de volta sei que vou ser uma visita assídua porque gosto muito do que escreve! :)**

cidinha disse...

Querida amiga, Paula ou Paulinha que todos chamam carinhosamente. Eu estou profundamente emocionada. POis diz muito de mim! Passei poresses momentos também. Vivi muitas vezes uma vida que não era minha, e me culpava sempre! Deixei muita coisa, pessoas passarem. Hoje madura tenho mais liberdade, más não me acerto. Ainda assim tento ser feliz. Como vc mesma diz tirei um peso dos meus ombros! Seja semple muito feliz e bjos no seu coração!!!

Chris Macêdo disse...

Oi amore. Tem selinho pra vc. Ótima semana. Bjos

Milla Pereira disse...

Belo texto de gratidão à vida, Paula, amei! Se tds agradecem, todos os dias, pelas graças recebidas, o mundo seria melhor. Saudades, minha querida. Andei meio adoentada, por isso afastei-me, mas estou ótima, graças a Deis. Beijo grande.

Simone butterfly disse...

Vim lhe trazer bastante energias positivas e lhe desejar um ótimo feriado, beijos

Priscila Lima disse...

Adorei o texto *-*

Flor, tem um selinho comemorativo lá no meu blog, querendo é só levar! *-*

Beijo

Severa Cabral(escritora) disse...

Minha linda menina!
Seus textos nos instiga a lermos nos deliciando com essa forma tão original de escrita,maravilhosooooooooooo
Quero te contar um segredo,kkkkkkk,meu coração amanheceu em festa...
Passa lá no meu cantinho para bebermos um vinho em comemoração...não esqueça...estou te esperando...
Bjsssssssssssssssssss

Maria Alice Cerqueira disse...

Querida amiga
Especialmente hoje eu vim agradecer o seu carinho e apoio ao meu trabalho!
Muito Obrigado de todo o coração!
Abraço muito amigo!
Maria Alice

Maria Alice Cerqueira disse...

Querida amiga
Especialmente hoje eu vim agradecer o seu carinho e apoio ao meu trabalho!
Muito Obrigado de todo o coração!
Abraço muito amigo!
Maria Alice

Vinicius. C disse...

Olá Paula!!

Lendo você dei-me conta de que, é preciso saber fechar uma porta tanto quando para abri-la.

Sempre achei que ciclos se fecham a nossa revelia, lendo você, entendo que não é bem assim.

Um beijo enorme e uma ótima tarde!

Estou esperando por você no Alma!

Paula Moraes disse...

Obrigada especial a cada um pelo carinho da visita e do comentário.
Adoro a visita de vcs.
Bom fim de semana a todos.

Chris Macêdo disse...

Oi minha linda. aqui está o link do seu selinho. http://simpleschris.blogspot.com/search?updated-max=2011-09-06T19%3A26%3A00-07%3A00
Bjos

Simone butterfly disse...

QUE LINDO TEXTO MIGUXA, QUE BOM QUE GOSTOU, PIRENOPÓLIS FICA A 140 KM DE BRASILIA, OLHA, VALE A PENA IR LÁ É MUITO LINDO! SÓ FIQUEI COM MEDO DAS COBRAS RS,RS BEIJOS QUERIDA

Vinicius. C disse...

Olá!!

Estive aqui ontem. não vejo meu cometário publicado não sei se não computou enfim.

Deixo meu beijo e desejo a você uma ótima tarde!

Espero por vc no Alma!

Priscila Lima disse...

Claro, a gente troca sim *-*
Já coloquei seu selo lá no meu blog.

Beijo flor

Marli Carmen disse...

é verdade!!! que bonito..fiquei emocionada...


Olá...Sou escritora e estou sorteando meu livro no blog
Venha participar com a gente! Em Amazônia- um caminho para o sonho, o leitor conhecerá cinco personagens que vão acompanhá-lo durante toda a viagem. Vai se encantar com a beleza e exuberância de uma Amazônia tão brasileira! Apaixonar-se-á por Rafaela, a jovem aspirante a escritora, tímida e atraída pelo charmoso Tio de sua amiga. Poderá o amor se desenvolver até o final da viagem ou não passará de um sentimento platônico?
Amazônia- um livro que te fará se apaixonar pela Brasil e te levará a uma viagem inesquecível.
Tenho 2 blogs...mas aquele que estou acessando no momento é do meu livro:.
Bjs - A autora
http://amazoniaumcaminhoparaosonho.blogspot.com/

Ma Ferreira disse...

Oi Paulinha..Lindo seu depoimento.

Sabe....eu parei de fazer a pergunta: Porque?

Isso me deu um certo alivio.

Hj eu mesmo me respondo a minha pergunha:
Porque?
Porque tinha que ser.
Porque o meu tempo é diferente do tempo de Deus.
Porque Ele sabe o que faz.

E pra mim ser fote tenho que ´passar por isso.

Te amo..saudades..

Paula Moraes disse...

Amores do meu coração, obrigada pelas visitas e palavras carinhosas, estou com saudades de vcs tbm e amo todos.
Assim que der um tempinho volto pra visitar todos.
Bjs e boa semana.

Antonio Porpetta disse...

Gracias, Paula, por tu gentil comentario.
Tu blog denota dos cosas fundamentales, que no siempre van unidas: inteligencia y sensibilidad.
Felicidades por haberlo creado y por mantenerlo.
Un beso desde este lejano Madrid.

Simone butterfly disse...

Que lindo, amei. Quero lhe desejar uma ótima semana

LUCIENE RROQUES disse...

Costumo dizer que a familia é a droga necessária. Já nascemos viciados. Parabéns pelo ensaio, aprecio as pessoas que dizem como são os seres humanos e nao como queria que eles fossem, caminhos tortos dificuldades de relacionamento no trabalho na escola com amigos e na família é algo extremamente natural, imaturo aquele que acha estar vivendo algo diferente dos demais. Somos humanos, somos falhos sempre. familia é a base das falhas que somos. E entre tais falhas encontramos o que temos de melhor: a capacidade mínima de convivencia, chamada de família.
Um abraço!

Fanzine Episódio Cultural disse...

“Ninguém nasce odiando outra pessoa pela cor de sua pele, ou por sua
origem, ou sua religião. Para odiar, as pessoas precisam aprender, e se elas podem aprender a odiar, podem ser ensinadas a amar, pois o amor chega mais naturalmente ao coração humano do que o oposto. A bondade humana é uma chama que pode ser oculta, jamais extinta."

(NELSON MANDELA)