"AMAR É QUANDO A ALMA MUDA DE CASA..."
MÁRIO QUINTANA.

domingo, 21 de outubro de 2012

Pensando em você...


Estou pensando em você
Mapeando nós dois
Tentando criar o que vem depois...
Planejando como não te querer
Calculando como desejar te esquecer

O dia vai, a noite cai e eu penso

Penso nesse amor intenso
Diálogos entre nós invento...
A noite vai, o dia vem
E quem disse que "ninguém é de ninguém?"
Meu coração é teu
Cada nuance da minha alma
...E cada pensamento meu

Te esquecer parece impossível

Já assumi como inesquecível...
Voltar pra você nem quero mais
Tudo que nos ligava ficou pra trás
Mas, tirar você da minha vida
Materializar a despedida
Sem ficar com a sensação que foi tudo fugaz
Não sei se sou capaz...

3 comentários:

Pedro Luis López Pérez disse...

Vengo del blog de Recanto do Sol de Vera Lucia y me ha encantado tu Rincón; por lo cual, si no te importa me gustaría ser Seguidor de tan bello Espacio, lleno de Magia, Sensaciones y Fantasía.
Un abrazo.

Juliana disse...

Lindo!!! Adorei Poemas, poesias e pensamentos.

Martinha Arruda disse...

Adoro poesias e curto muito as suas tbm pois tbm escrevo poesias. Não deixe que nada e nem ninguem destrua seu sonho de escrever e nem tire sua inspiração. parabéns !!! bjus